Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2013

Projeto: Radiola Aternativa, dia 08 de Junho, fomentando o rock!

Na ativa desde 2008, o Radiola Alternativa tem uma proposta bem próxima de todos nós, fortalecer a cena rock da cidade que já foi o berço de grandes nomes do cenário nacional, dando espaço para várias bandas de variados gêneros viabilizando uma opção de entretenimento. A perspectiva é que em breve o projeto ocorra em outros bairros da cidade para divulgar ainda mais essa proposta, geralmente as edições vem acontecendo uma vez no mês aos sábados no bairro de São Caetano, o evento vem como uma excelente opção atrativa nos fins de semana ganhando cada vez mais popularidade a cada edição. Este projeto é idealizado por quatro jovens da periferia de São Caetano fãs de rock e cansados da música popular feita na cidade. Depois do grande sucesso das duas primeiras edições da temporada 2013 o Radiola Alternativa prepara mais uma grande edição no próximo dia 8 de junho com as bandas Latryna (Rock de Garagem), The Lex (Indie Rock) e Os Caras da Rádio (Pop Rock) em um novo espaço localizando na R…

Scott Weiland lamenta fim do Stone Temple Pilots e escreve carta para os fãs!

Após ter sido demitido e substituído pelo líder do Linkin Park, Chester Bennington, no Stone Templo Pilots, o ex-vocalista da banda, Scott Weiland, publicou uma carta a seus fãs através do facebook falando sobre o caso. No texto, Scott diz que dói ver a banda como está hoje: “Eles não são os Stone Temple Pilots de verdade”, lamentou. A banda realizou sua primeira apresentação com o novo vocalista no festival KROQ Weenie Roast, que você confere aqui!

O texto inteiro de Scott Weiland você lê abaixo: 

"Uma carta para os meus fãs, Como todo mundo lá fora, eu li sobre minha banda, Stone Temple Pilots, e seu desempenho recente no fim de semana passado com um novo vocalista. Para dizer a verdade, isso me pegou de surpresa. E doeu. Mas a banda que tocou na semana passada não foi Stone Temple Pilots e foi errado deles se apresentarem como se fossem. Primeiro de tudo eles não têm o direito legal de se chamar STP, porque eu ainda sou um membro da banda. E o mais importante, eles não têm o di…

O novo disco de Rob Zombie

O novo disco de Rob Zombie, “Venomous Rat Regeneration Vendor”, possui uma capa que tem toques sujos e nojentos (a face de Zombie e desenhos de ratos), mas que também remete aos LPs coloridos da era hippie e psicodélica do final dos anos 1960. Quanto ao som, as únicas referências a essa época, forçando a barra, são o órgão Hammond na ótima faixa “Dead City Radio and the New Gods of Supertown” e a versão para “We’re an American Band”, do Grand Funk. O que se ouve em “Venomous Rat Regeneration Vendor” é o metal industrial da época do White Zombie, com muitos diálogos, narrações e efeitos sonoros incidentais. Zombie canta como um Alice Cooper atualizado, com muita interpretação e energia. O resultado é um ritmo pulsante com muita distorção e que embalará os “pula pulas” nos shows. Bons exemplos são “Teenage Nosferatu Pussy”, “Revelation Revolution”, “Behold, The Pretty Filthy Creatures!” e “Lucifer Rising”, que são os pontos altos do álbum.

Les Royales: Banda de "Rockabilly" baiana trás de volta as raízes do rock

Ainda não consegui pegar um show da banda ao vivo, mas quem foi garante que a diversão é garantida ao som da banda LES ROYALES". Formada 100% de rockabilly, gênero que deu sua fôrma ao rock e o moldou até os dias de hoje, do mais simples ao mais pesado. A banda LES ROYALES trás isso de volta em seu quarteto com músicos mais que conhecidos e que dispensa apresentações. Músicos integrantes como Morotó Slim (Ex-Dead Billies e Retrofoguetes) que coloca suas guitarras marcantes e bem tocadas nas canções. Sobre a banda: O Les Royales é uma banda de Rockabilly de Salvador-BA, fundada em 2011. Com um trabalho cuidadoso de curadoria e arranjo, a banda apresenta um repertório 1950 que conta com canções de Eddie Cochran, Gene Vincent, Buddy Holly, Elvis Presley, Carl Perkins, Johnny Cash, Billy Riley, Warren Smith e Carl Mann. Como toda exceção à regra, o setlist também conta com músicas dos Stray Cats. Aos desavisados, um detalhe: não esperem a doçura das baladinhas tão comuns aos anos dou…

A série “As 10 Caras do Rock Baiano” com Cadinho Ricardo Baixista da Cascadura, Rebeca Matta, Retro_Visor e mais!

A série “As 10 Caras do Rock Baiano” retorna com a sua quarta entrevista trazendo um dos músicos mais atuantes da cena local: Cadinho Ricardo. Baixista de técnica, feeling e presença de palco apuradas, Cadinho nos fala sobre a sua trajetória, sobre sua percepção da cena local e como é tocar com artistas, músicos e bandas notáveis. Competência, profissionalismo, disciplina, bom humor, carisma e inteligência formam a marca desse músico que faz toda a diferença no cenário local e não foi diferente nesse bate papo descontraído. Como já é de costume, se ajeite na cadeira e aproveite essa interessante entrevista.
SRP - Quando começou seu gosto pela música? Já havia algum músico na sua família que serviu de referência pra você, ou sua influência veio de fora?  Cadinho - Bem, minha relação com música começa cedo. Rolavam diversos títulos em vinil em casa. Disco music, pop e jovem guarda por minha mãe, sambas e cantores do rádio por meu pai. Absorvia aquilo e outras coisas que tocavam no rádio. …

Vocalista do Garotos Podres deixa a banda!

O vocalista José Rodrigues Mao Junior anunciou no fim de abril sua saída do Garotos Podres, íncone do punk nacional formado em Mauá/SP, em 1982. Mao e os outros integrantes disputam na justiça o uso do nome "Garotos Podres". Além de um comunicado aos fãs através de sua página sobre sua saída da banda, Mao também tem informado sobre o processo e tentativas de acordo entre as partes. Segundo o vocalista, o advogado Michel Stamatopoulos, que representa o restante da banda, exigiu R$ 430.000,00 para permitir que Mao continuasse a usar o nome "Garotos Podres".

Guitarrista Peu Sousa, é encontrado morto hoje, Segunda-feira (06/05/2013)

Apesar da segunda-feira ensolarada e de céu azul, hoje os nossos corações estão um pouco mais acinzentados com a morte do grande Brother "Peu Sousa". Neste inicio de semana, ainda doente, me recuperando de uma terrível gripe, recebo a noticia que mais um irmão (gente boa) das guitarras se foi. Independe de qual seja o motivo da morte, nós sabemos do legado desse ótimo músico. Peu Sousa, era ex-integrante da banda Pitty e foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (6), em seu apartamento em Salvador. Peu era filho adotivo de Galvão, do grupo Novos Baianos, e já tocou nas bandas Nove Mil Anjos e Dois Sapos e Meio. Parecer que estamos em uma onda de perdas de grandes músicos do rock, na semana passada perdemos "O guitarrista do Slayer, Jeff Hanneman". O que podemos pedir nesse momento é conforto para as famílias e que os irmãos Descansem em Paz!
Abaixo segue programa gravado por Peu para a internet.

The Flaming Lips toca YBTPR na íntegra

Antes da estranha e quase indigesta apresentação no Lollapalooza Brasil desse ano, o The Flaming Lips tocou na íntegra o álbum Yoshimi Battles The Pink Robots no festival South by Southwest. Não se sabe se o único motivo pelo qual eles tocaram o disco por inteiro foi o fato de eles estarem presentes no já tradicional evento anual que acontece na cidade de Austin, Texas, mas nesse vídeo de pouco mais de uma hora de duração, o The Flaming Lips traz mais a tona a sua musicalidade, ao contrário dos shows maiores que contam com cenários e luzes espalhafatosos. Ainda possui, aos 27’15’’, uma curiosa e bem humorada história sobre a origem do nome de uma das suas canções (“Ego Tripping at the Gates of Hell”), seguida da “nunca antes tocada” “Are You a Hypnotist?”. Destaque especial para “All We Have is Now”.

Morre Jeff Hanneman, guitarrista do Slayer

O guitarrista do Slayer, Jeff Hanneman, morreu nesta quinta-feira (2), nos EUA, informou a banda em sua página oficial no Facebook. "O Slayer está devastado ao informar que o companheiro de banda e irmão, Jeff Hanneman, morreu por volta de 11h desta manhã próximo à sua casa, no sul da Califórnia. Hanneman estava em um hospital da região quando sofreu insuficiência hepática. Ele deixa a esposa Kathy, a irmã Kathy e os irmãos Michael e Larry, e sua falta será profundamente sentida. Irmão Jeff Hanneman, descanse em paz (1964 - 2013)" Jeff, que tinha 49 anos, foi um dos fundadores da banda de thrash metal em 1981 e foi coautor de algumas de suas músicas mais conhecidas, como "Angel of death" e "Raining blood", do disco "Reign in blood", de 1986. O Slayer tem show marcado no dia 22 de setembro no Rock in Rio. A banda também foi anunciada para tocar junto com o Iron Maiden em São Paulo, no dia 20, e em Curitiba, no dia 24 do mesmo mês. Em 2011, Han…