Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2013

Série “As 10 Caras do Rock Baiano” com o baterista Dimmy (Banda Vendo 147)

Os bateristas dominaram o Portal Soterorockpolitano! A nossa série “As 10 Caras do Rock Baiano” chega a sua sétima entrevista com mais um grande baterista do nosso cenário: Dimmy “O Demolidor” Drummer. Neste papo, Dimmy fala sobre bandas instrumentais, sobre como foi gravar o som do clone drum no estúdio e sobre a sua relação com as bandas que faz parte (Vendo 147, Bestiário e Stereowatts), além de expor a sua opinião sobre o cenário local como músico e também como produtor e tour manager. Então ajeite-se na cadeira, aproveite bem essa entrevista interessantíssima e curta a nossa página no Facebook. Soterorockpolitano - Você é um músico que consegue aliar técnica e espontaneidade ao seu estilo, quais as suas influências e o que te fez escolher a bateria como seu instrumento? Dimmy Drummer –Então, acho que vem de um mix de influências. Comecei a vida de músico como gaitista e vocalista de blues, depois de algum tempo que fui para os tambores, porém, sempre estive nos bastidores como prod…

Cheira Como o Espírito da Adolescência – Por Leo Cima

A noite do último dia treze de julho foi tão rock que, no caminho de volta para casa, eu, Sérgio, Ricardo, Gil e Bárbara não imaginávamos que o Marcelo Lomba havia defendido dois pênaltis na partida do Bahia contra a Ponte Preta. Além disso, nos indagamos e percebemos que, até aquele momento, ainda não havíamos celebrado o rock no seu dia comemorativo. A diversidade cultural dessa cidade foi a marca mais forte neste dia de comemoração e não há nada mais rock do que isso. Os caminhos nos levaram para o Pelourinho (local querido ainda pouco cuidado de nossa Salvador) para assistir ao show da banda baiana Vivendo do Ócio na praça Pedro Archanjo. 
Depois de experimentar o famoso cravinho (é, eu ainda não havia tomado) e me certificar da minha autêntica naturalidade chegamos no local onde já se fazia ouvir, na praça Tereza Batista, a percussão forte e contagiante da banda afro Os Negões, mostrando que duas linguagens musicais distintas podem conviver respeitosamente no mesmo espaço. Apó…

Série “As 10 Caras do Rock Baiano” com o baterista Thiago Jende (Banda Tentrio e Tronica)

Sem perder o embalo, a série “As 10 Caras do Rock Baiano” traz para abrir a sua segunda fase o baterista Thiago Jende. Nesta sexta entrevista da série, Thiago fala sobre as suas influências e o poder da música nas pessoas e sobre a Tentrio e o seu novo EP, o Fuckadelia. Fala também sobre bootlegs (que são discos não oficiais de bandas muito difundidos na década de 1990) e sobre os planos da Tronica, além de expressar a sua opinião sobre os locais para se fazer rock aqui na cidade. E só lembrando: ajeite-se na sua cadeira, deixe o Facebook um pouco de lado e aproveite esse papo com um dos melhores bateristas da cidade.
SRP - Quem lhe conhece de perto sabe que você é um baterista disciplinado e atento ao que acontece no mundo da música, quais as suas principais influências e o que te inspira a tocar bateria? Thiago Jende- Como baterista tenho três pilares que são Ringo Starr, Stewart Copeland e John Bonham. O que me inspira é exatamente a cumplicidade e o estado impar que a musica faz qua…