Resenha: 4Way Split, CD Split das bandas Riiva, Pastel de Miolos, Agressivos e Derrube o Muro.

Capa do Split - Divulgação
O uso do cd split, no cenário roqueiro independente mundial, tem sido uma prática adotada pelas bandas de rock que nele circulam desde meados da década de oitenta. Para quem ainda não está familiarizado com ele, o cd split é um compacto lançado por duas ou mais bandas na mesma prensagem, com o intuito de ampliar o alcance de divulgação de cada uma delas. É com essa proposta que os selos Brechó Discos e Bigbross Records lançam o seu mais novo material, o álbum 4Way Split, que inclui as bandas Riiva (Finlândia), Pastel de Miolos, Agressivos e Derrube o Muro.



            Este cd é o primeiro de uma série de, por enquanto, três volumes e que sempre trará quatro bandas em sua composição. É um projeto inédito em terras baianas, por ser ousado e pelo fato de ser incomum, aqui no Estado, essa quantidade de bandas formando um split. Ainda como característica forte do disco, quase todas as músicas contidas nele são novas, o que vem a dar mais credibilidade à obra e que ajuda a firmar o compromisso dos dois selos envolvidos no seu lançamento, em realizar um trabalho sério e de qualidade no cenário roqueiro da Bahia.
            Com um total de vinte e quatro músicas e distribuídas de forma aleatória, cada banda traz seis canções inéditas dos seus respectivos repertórios. Abrindo a sequencia, os gringos da banda finlandesa Riiva executam sem perdão o seu punk rock rápido, direto e com o idioma de origem dos rapazes. Porrada certeira no pé do ouvido sem problemas com a tradução. Destaques para as faixas Espoo e M&M. A segunda banda a aparecer é a baiana Pastel de Miolos. As canções que entraram nesse split pertencem às sessões de gravação do seu álbum de inéditas mas não estarão inclusas no seu novo disco, ganhando assim um caráter exclusivo para este projeto. As seis canções são bons aperitivos do que virá no tão aguardado “Novas Ideias, Velhos Ideais”, que será lançado neste mês de abril. Punk da melhor qualidade gritando contra o sistema e com boas pitadas de metal, destaques para Dentro do Sistema e Siga e Pare. Na sequencia vem a Agressivos, com seu grind core bem gravado. Com uma sonoridade próxima ao do seu disco de estreia, a banda traz suas novas faixas apostando em guitarras mais pesadas e cozinha ainda mais nervosa. Rixa e To na Bronca mostram que o grupo continua sem freio. A Derrube o Muro aparece aqui com seu hard core diferenciado e interessante para ouvidos mais atentos. Não se trata somente da velocidade pela velocidade nas músicas dos caras, elas são velozes mas possuem elementos diversos e bem colocados que conferem a banda um som bem elaborado. Tão certo assim que as suas canções têm entre dois a quatro minutos de duração. Atenção especial para Amizade e Velha Escola, Nova Escola. É para derrubar o muro mesmo!

            O 4Way Split é uma boa oportunidade de conhecer os novos trabalhos dessas bandas. A qualidade das gravações é algo que deve ser levado em conta neste primeiro volume e a energia que cada banda imprimiu em suas gravações já valem a audição do disco. Agora é só aproveitar o som e esperar o próximo volume da série.
Share:

Online

Bandas

32 Dentes 4 Discos de Rock Baiano 4ª Ligação A Flauta Vértebra Aborígines Acanon Ádamas Almas Mortas Amor Cianeto André dias André L. R. Mendes Anelis Assumpção Antiporcos Apanhador Só Aphorism Aqui tem Rock Baiano Aurata Awaking Baiana System Bauhaus Bilic Black Sabbath Blessed in Fire Blue in the Face Boogarins Búfalos Vermelhos e a Orquestra de Elefantes Buster Calafrio Callangazoo Carburados Rock Motor Cardoso Filho Carne Doce Cartel Strip Club Cascadura Casillero Céu Charles Bukowski Charlie Chaplin Chuva Negra Cidadão Instigado Circo de Marvin Circo Litoral Cólera Curumin Dão David Bowie Declinium Derrube o Muro Desafio Urbano Desrroche Destaques dez caras do rock Documentário Downloads Du Txai e Os Indizíveis Duda Spínola Enio Entrevistas Erasy Eric Assmar Espúria Eva Karize Exoesqueleto Far From Alaska Festival Festival Soterorock Filipe Catto Free?Gobar Fresno Fridha Funcionaface Game Over Riverside Giovani Cidreira HAO Heavy Lero Hellbenders Ifá Incubadora Sonora Ingrena Invena Inventura Irmão Carlos Ironbound Jack Doido Jackeds Jadsa Castro Jardim do Silêncio Jato Invisível Kalmia Kazagastão KZG Lançamentos Latromodem Leandro Pessoa Lee Ranaldo Limbo Lírio Lívia Nery Lo Han Locomotiva Mad Monkees Madame Rivera Mais uma Cara do Rock Baiano MAPA Marcia Castro Maria Bacana Maus Elementos Messias Metá Metá Modus Operandi Mopho Motherfucker Mulheres Q Dizem Sim Murilo Sá Nalini Vasconcelos Neurática Not Names Novelta O Quadro O Terno Old Stove Olhos Para o Infinito Órbita Móbile Organoclorados Os Canalhas Os Elefantes Elegantes Os Jonsóns Os Tios Overfuzz Ozzmond palco do rock Pancreas Pastel de Miolos Paul McCartney Pesadelo Pio Lobato Pirombeira Pitty Portal Pós-punk Prime Squad Programas Quadrinhos Quartabê Radioca Raimundo Sodré Rattle Resenha de discos Resenha do cd Resenhas Reverendo T Reverento T Rincon Sapiencia Rivermann Rock Rock Baiano Rock Baiano em Alta Rock de camaçari Ronco Scambo Show Shows Shows. Cascadura Siba Singles Soft Porn Som do Som Sons que Ecoam Soterorock Squadro Subaquático Super Amarelo Surrmenage Tangente Teenage Buzz Tentrio Test The Baggios The Cross The Honkers The Pivos Theatro de Seraphin Thrunda Titãs Tony Lopes Tsunami Universo Variante Úteros em Fúria Vamoz! Van der Vous Vende-$e Vivendo do Ócio Wado Wander Wildner Weise Wry

Matérias

Antigas

Mais Populares