Podcast com Deus Du, Baterista da banda Modus Operandi.(Gravado em 2017)
  • ENTREVISTA

    Aguardem!Voltaremos... Link: https://www.mixcloud.com/soterorockpolitano/rota-alternativa-2015-entrevista-com-a-desrroche/

  • OUÇA DEUS!

    Promover debates e entrevistas sempre com um convidado da cena de rock da Bahia. Uma mesa redonda democrática onde se pode falar dos rumos do rock baiano. Agora na Mutante radio aos domingos. Link: https://www.mixcloud.com/soterorockpolitano/programa-rota-alternativa-22017-com-deus-du/

  • BUK PORÃO!

    Sob o comando de Marcio Punk a casa de shows recebe todas as semanas artistas do cenário local. Venha participar dessa festa.

  • 10 anos de Soterorock!

    Foram mais de 50 programas gravados e mais de 300 resenhas realizadas por nossa equipe. Hoje depois de muitos colaboradores que fizeram parte deste projeto, completamos dez anos nesta jornada Rocker. Léo Cima, Kall Moraes e Sérgio Moraes voltam com o programa Rota Alternativa em 2017 trazendo novidades.

  • VENHA PARA BARDOS BARDOS

    O Endereço: Tv. Basílio de Magalhães, 90 - Rio Vermelho, Salvador - BA

Duas bandas como uma só

Vendo os créditos do cd split contendo as bandas Teclas Pretas e Tanpura percebe-se algo em comum entre ambas. Esse elemento de interseção é a presença do cantor e compositor Glauber Guimarães, um já veterano da cena local que de tempos em tempos lança um trabalho novo no cenário. Diga-se de passagem, um novo trabalho feito com cuidado e qualidade e sempre com o acompanhamento dos músicos Jorge Solovera e Murilo Goodgrooves.
Este cd, intitulado “Split 2013”, é a mais recente investida musical das bandas e traz quatro canções de cada uma, mas que poderiam funcionar muito bem como oito músicas de um grupo só. Não que não houvesse uma diferença entre o som de cada um dos dois projetos, mas a proximidade sonora deles vai além de possuírem um mesmo integrante presente em cada processo criativo. O que se ouve no split é um som que transita pelo psicodelismo, pelo rock indie e o britpop da década de noventa, alem de haver referencias escancaradas aos Beatles...
Share:

Punk rock sem parar um segundo sequer

O ano de 2014 tem trazido bons lançamentos de discos de bandas do rock local. Já passaram por aqui grupos psicodélicos e pesados, tristes e bem humorados, cada um com sua particularidade, mas há uma banda em particular que já estava sendo aguardada pela expectativa da chegada do seu mais recente álbum de inéditas. A banda é a Pastel de Miolos, que traz o seu novo disco: “Novas Ideias, Velhos Ideais”.
            A PDM vem vivendo um bom momento em sua carreira. No ano passado ela ganhou um belíssimo e eclético tributo em homenagem aos seus dezoito anos de estrada, participou do tradicional festival goiano Porão do Rock e a sua frequência de shows está cada vez maior, com apresentações pelo interior da Bahia e pelo nordeste. Coroando essa sua boa fase, neste exato momento em que escrevo esse texto, a PDM embarca rumo ao leste europeu para a sua primeira turnê internacional, que passará por países como Finlândia, Letônia, Estônia, Lituânia e Polônia...
Share:

Cascadura anuncia lançamento de clipe da música O Delator

"O clipe terá estreia oficial dia 31 no site da revista Rolling Stone Brasil e show comemorativo no Portela Café, dia 2 de agosto"
No próximo dia 31, a banda Cascadura lança o clipe da canção “O Delator”, que tem direção de Glauco Neves e Carlos Faria. Este é o segundo clipe do mais recente álbum da banda, “Aleluia” (2012), com o qual venceram o Prêmio Dynamite de Música Independente na categoria Melhor Álbum Pop de 2013. O primeiro clipe do álbum foi da música “Soteropolitana”, lançado em janeiro de 2012.
“Soteropolitana” é uma grande homenagem e também uma provocação às abordagens estereotipadas da cidade de Salvador. Mas além de pautar a história e dinâmica da capital em suas músicas, Fábio Cascadura, cantor da banda eautor de todas as canções da sua discografia, também gosta de lidar com aspectos negativos da existência humana, e é por aí que caminha a música “O Delator”...
Share:

Seguindo com a navegação: André L. R. Mendes

No último dia quinze de julho o cantor e compositor André L. R. Mendes comemorou mais uma primavera e, como parte de seu projeto musical, também lançou o seu mais recente trabalho, o disco ‘Surf Budismo’. Para quem ainda não sabe, o seu projeto consiste em lançar um novo álbum de inéditas a cada aniversário no qual ele completa mais um ano de vida e este já é o quarto da sua discografia solo.
Desta vez, André decidiu trabalhar sozinho na produção do cd, no melhor espírito “do it yourself”. Todo gravado em um IPad e em sua própria casa, com instrumentos analógicos e com aplicativos de música do próprio aparelho, ele batizou o processo como “selfie”,
sendo esse um auto retrato musical do próprio artista sem que houvesse a interferência de outras pessoas na sua composição. Além desse fato, seria injusto não falar também da divulgação do disco que ocorreu na rede social. Frequentemente o seu “work in progress” ia sendo divulgado no Facebook, uma canção inédita e a capa do álbum foram disponibilizadas com meses de antecedência e ainda teve espaço para que as pessoas pudessem escolher o nome de uma das músicas do cd e para que elas enviassem fotos para compor o encarte virtual do ‘Surf Budismo’.
Share:

Declinium: Uma passagem para Marte

Marte pode ser um lugar legal. Em certos momentos nos quais se deseja estar longe de tudo e de todos aqueles que podem nutrir sentimentos tristes e melancólicos, fazer uma viagem para o planeta vermelho pode ser uma opção para aliviar ou anular essas sensações. O Dr. Manhattan (icônico personagem de Watchmen, do Alan Moore) preferiu fazer isso para se isolar, tentar refletir e até esquecer de si próprio.

            É nesse embalo, com um rock triste dos bons que a banda Declinium lança o seu mais recente trabalho, o EP “Marte”. Sem receio algum de soar dessa forma, o grupo originado da Região Metropolitana de Salvador investe muito bem nas influências de seu som, que vão do rock depressivo...
Share:

Atiradores de elite da cidade baixa | Búfalos Vermelhos e a Orquestra de Elefantes

Cavernas! O som da bateria parece realmente ter sido captada das cavernas, com alguma tecnologia que possibilitasse uma viagem no tempo e gravasse o som que ficou registrado nesse disco. A guitarra, tão bem elaborada e cristalina que a imagino sendo tocada no pico da mais alta montanha, com os seus riffs ecoando pelos vales afora e chegando nos mais longínquos lugares.
Não haveria introdução melhor para fazer sobre a Búfalos Vermelhos e a Orquestra de Elefantes, novo trabalho dos irmãos Jamil Jende e Thiago Jende, senão descrever um pouco do que é a sonoridade dos rapazes neste EP de estreia que contêm quatro canções. Produzida pelo Irmão Carlos, pelo Beto Melo e pelos próprios inegrantes, a banda se assume como um duo mas não deixa de lado o baixo...
Share:

Professor doidão e os aloprados: Juntando os mundos

"EP de estreia do Professor Doidão e os Aloprados diverte com sabedoria."


As manhas da vida não se aprendem na escola. Muito menos as do rock’n roll! E é nesse clima que o Professor Doidão e os Aloprados descarregam toda a energia sempre jovem do rock, misturada com a experiência de quem viveu e vive essa vertente musical tão presente ao longo de décadas.
Durante os 13’46” do EP “Quero Reunir os meus Mundos”, a banda liderada pelo Isaac Fiterman diverte o ouvinte com canções que remetem a raiz do rock, também com referencias mais recentes e conta com um time de figuras...
Share:

Online

Matérias