Rádio Soterorock ao Vivo!

Professor doidão e os aloprados: Juntando os mundos

"EP de estreia do Professor Doidão e os Aloprados diverte com sabedoria."


As manhas da vida não se aprendem na escola. Muito menos as do rock’n roll! E é nesse clima que o Professor Doidão e os Aloprados descarregam toda a energia sempre jovem do rock, misturada com a experiência de quem viveu e vive essa vertente musical tão presente ao longo de décadas.
Durante os 13’46” do EP “Quero Reunir os meus Mundos”, a banda liderada pelo Isaac Fiterman diverte o ouvinte com canções que remetem a raiz do rock, também com referencias mais recentes e conta com um time de figuras...
experientes da cena local como Dan Borges (violão), Felipe Brito (guitarra), Juliana White (baixo), Eliana Assumpção (backing vocals) e o Tony Lopes, o Reverendo T (bateria).
O disco começa com a faixa-título, um rock com espírito cinquentista e dançante, que traz nas letras o desejo do professor Doidão em juntar as diversas tribos à sua festa, mas desde que exista respeito entre ambas as partes. Uma boa escolha para abrir o EP, uma vez que define bem a sua atmosfera. A música seguinte, “Música em Francês”, é um rock mais calmo e com uma letra que é uma verdadeira defesa das próprias escolhas feitas, diante de acusações sem prováveis embasamentos e um tanto quanto radicais. Os versos “vem com esse papo de lascado e fudido/mas fui eu o traído em todo aquele furor/saiu dizendo que eu mudei de lado/só porque eu resolvi subir de elevador” já diz muita coisa. “Viver de Arte” surge com um blues de levada calma e marota, mas com uma letra que lembra umas boas sacadas filosóficas do Raul Seixas, onde há espaço para questionamentos surgidos na mesa de um bar após conversas importantes com amigos. “Eu quero Gozar!” é a quarta canção e também é o melhor momento do disco. Nela a diversão é garantida, com um rock despretensioso, letra que começa meio surtada (no melhor sentido da palavra) e meio misteriosa, além de bastante debochada, bem como o rock gosta. Ela também é a prova de que, dentro de um relacionamento, é necessário um pouco de conflito para que o amor se mantenha aceso e revigorado. “Eu Sou do Rock” encerra o EP com um punk rock rápido e veloz, digno de quem já aprontou as suas e que ainda continua vivo e chutando por aí!

É bem provável que quem participou da gravação de “Quero Reunir os Meus Mundos” tenha se sentido muito bem tendo feito ele, pois fica evidente o clima de descontração por todo o EP. A sabedoria no rock pode proporcionar momentos favoráveis para se registrar canções como essas e repassa para o ouvinte a mensagem de que a verdade pode estar na rua, dentro e fora das salas de aula ou das redes sociais.
Share:

Online

Bandas

32 Dentes 4 Discos de Rock Baiano 4ª Ligação A Flauta Vértebra Aborígines Acanon Ádamas Almas Mortas Amor Cianeto André dias André L. R. Mendes Anelis Assumpção Antiporcos Apanhador Só Aphorism Aqui tem Rock Baiano Aurata Awaking Baiana System Bauhaus Bilic Black Sabbath Blessed in Fire Blue in the Face Boogarins Búfalos Vermelhos e a Orquestra de Elefantes Buster Calafrio Callangazoo Carburados Rock Motor Cardoso Filho Carne Doce Cartel Strip Club Cascadura Casillero Céu Charles Bukowski Charlie Chaplin Chuva Negra Cidadão Instigado Circo de Marvin Circo Litoral Cólera Dão David Bowie Declinium Derrube o Muro Desafio Urbano Desrroche Destaques dez caras do rock Documentário Downloads Du Txai e Os Indizíveis Duda Spínola Enio Entrevistas Erasy Eric Assmar Espúria Eva Karize Exoesqueleto Festival Filipe Catto Free?Gobar Fresno Fridha Funcionaface Game Over Riverside Giovani Cidreira HAO Heavy Lero Hellbenders Ifá Incubadora Sonora Ingrena Invena Inventura Irmão Carlos Ironbound Jack Doido Jackeds Jardim do Silêncio Jato Invisível Kalmia Kazagastão KZG Lançamentos Latromodem Lee Ranaldo Limbo Lírio Lo Han Locomotiva Mad Monkees Madame Rivera Mais uma Cara do Rock Baiano MAPA Marcia Castro Maria Bacana Maus Elementos Messias Modus Operandi Motherfucker Mulheres Q Dizem Sim Murilo Sá Nalini Vasconcelos Neurática Not Names Novelta O Quadro O Terno Old Stove Olhos Para o Infinito Órbita Móbile Organoclorados Os Canalhas Os Elefantes Elegantes Os Jonsóns Os Tios Overfuzz Ozzmond palco do rock Pancreas Pastel de Miolos Pesadelo Pirombeira Pitty Portal Pós-punk Prime Squad Programas Quadrinhos Rattle Resenha de discos Resenha do cd Reverendo T Reverento T Rivermann Rock Rock Baiano Rock Baiano em Alta Rock de camaçari Ronco Scambo Show Shows Shows. Cascadura Siba Singles Soft Porn Sons que Ecoam Squadro Subaquático Super Amarelo Surrmenage Tangente Teenage Buzz Tentrio Test The Baggios The Cross The Honkers The Pivos Theatro de Seraphin Thrunda Titãs Tony Lopes Tsunami Universo Variante Úteros em Fúria Vamoz! Van der Vous Vende-$e Vivendo do Ócio Wander Wildner Weise Wry

Matérias

Antigas

Mais Populares