Os destaques de 2014 no Portal Soterorockpolitano.



            Mais um ano chegou ao fim e mais uma vez o Portal Soterorockpolitano faz um balanço do que de melhor aconteceu nesses últimos doze meses na cena local. Um pouco diferente da nossa matéria referente aos nossos destaques do ano passado, a nossa lista dessa vez foi dividida em três categorias: Bandas Revelação, Melhor Álbum/EP e Melhor Show. 2014 foi agitado para o cenário roqueiro baiano com ótimas bandas surgindo, artistas e grupos lançando ótimos trabalhos e com apresentações que valeram (para o bem ou para o mal) cada centavo daquele que se dispôs a ir aos shows dos conjuntos locais. Então, deixando a conversa de lado, vamos ao que interessa!

BANDAS REVELAÇÃO (Entrevistamos 60 Ouvintes)

1° Van der Vous – 27 pontos

Com um som psicodélico misturado a várias referencias que vão do britpop ao grunge, a Van der Vous encabeça essa categoria não só pela sua mistura musical lisérgica bem equilibrada, mas também pelo seu empenho na cena. A expectativa sobre os rapazes já pairava pela atmosfera soteropolitana há um pouco mais de um ano e eles não decepcionaram.




2° Búfalos Vermelhos e a Orquestra de Elefantes – 24 pontos

Banda formada por integrantes da Trônica e da Tentrio, o duo vindo diretamente da cidade baixa surpreendeu com um rock pesado e fortemente influenciado pelo blues. Com os vocais assumidos pelo baterista e com timbres pesados de guitarra, a música da BVOE chega aos ouvidos como verdadeiros tanques de guerra de mira certeira, avançando sobre o território inimigo.


3° The Pivos – 21,9 pontos

Perfomance de palco define bem esses caras de camaçari que teve o seu  trabalho divulgado pela Brecho discos, selo que sempre apresenta pra gente grandes bandas. A banda surge como uma surpresa boa nessa lista, firmando mais uma vez a força do rock de Camaça! Let's Rock Wilson! Yeah! 




4° Rivermann – 19 pontos

Da cidade de Camaçari veio uma das boas novidades da cena local. Com um som influenciado pelo indie noventista, a Rivermann se destacou em meio a um grande número de bandas da região metropolitana se Salvador e é mais uma outra prova de que o rock também está ativo nas terras além das fronteiras da capital baiana.





Melhor Álbum/EP (Entrevistamos 70 ouvintes)

1° La Fuga, da Van der Vous – 29 pontos

Já bem aguardado pelo cenário local e pela equipe do Portal Soterorockpolitano, o disco de estreia da Van der Vous, “La Fuga”, surgiu primoroso e equilibrado, sintetizando de forma lúcida as várias influências da banda. Há muito tempo não se via por essas terras um grupo com uma pegada mais psicodélica, cantando em inglês e cuidadoso com seu trabalho. É um disco merecedor de avançar fronteiras.



2° Marte, da Declinium – 28 pontos

Com certeza, um dos melhores discos/EP’s de 2014 foi “Marte”. Com uma bagagem musical de anos de estrada, a Declinium fez um trabalho inspiradíssimo, batendo certo no âmago melancólico da alma e do coração de quem aprecia o seu som. Com “Marte” a tristeza pode ser algo bom, além de funcionar muito bem como uma boa trilha sonora no passeio pelo planeta vermelho.



3° Azul Profundo,do Reverendo T e os Discípulos Discrentes – 27 pontos

Intenso, verdadeiro, sussurrado e profundo. É nessa pegada que surgiu o mais recente trabalho do Reverendo T e os Discípulos Descrentes! Mais orgânico que o anterior, o “Azul Profundo” tem uma veia musical mais blues e mais rock setentista, conseguindo mesclar uma atmosfera interessante com o que há de melhor nesses dois estilos. Ótima investida do Tony Lopes. Creia!


4° Surpresa, da Callangazoo – 26 pontos

Seguindo o reverendo, chega na lista a banda Callangazoo com seu rock ensolarado e de guitarras swingadas. “Surpresa” é o disco que fecha a trilogia de EP’            s da banda e atesta a boa qualidade do grupo, que é um dos mais ativos do cenário local. São três canções animadas e prontas para tocar no seu mp3 player neste verão, “Tereza Surpresa” é uma delas.



5° Epgrafia Completa, d’Os Jonsóns – 24 pontos

Esperado disco de um dos grupos que mais se destacou nesse ano, dentro e fora da Bahia. O “Epgrafia Completa”, como o nome já sugere, é uma compilação dos três EP’s que os rapazes lançaram ao longo de dois anos de carreira e é um prato cheio para quem gosta de rock gaucho e de letras bem humoradas e/ou excêntricas.




6° Rivermann, da Rivermann – 23 pontos

A Rivermann aparece aqui com o seu primeiro EP da carreira. Mais uma banda da região metropolitana de Salvador, é também mais uma que dialoga bem com o indie rock norte-americano noventista e com letras que tratam sobre relacionamentos e melancolia. É bom retrato musical em um fina de tarde em uma cidade fora da capital.




7° Surf Budismo, de André L. R. Mendes – 21 pontos

Mais recente trabalho deste cantor e compositor baiano. Neste quarto disco da sua carreira solo, André optou por registrar suas belas canções sozinho, gravando e produzindo todo o trabalho em seu Ipad, exatamente com o espírito do “faça você mesmo”, sendo este transportado para os dias atuais. Como em uma nova linguagem do punk, sem ser punk!



8° O Padre me Estuprou, da Vomitos – 20 pontos

Já no rastro mais tradicional do “faça você mesmo”, a banda de Barreiras fez mais um disco vigoroso e divertido de punk rock, com um método de gravação livre das amarras de esquemas de gravadoras, ou selos. O disco foi gravado ao vivo, na própria casa do seu guitarrista, flertaram com o metal e isso tudo sem gastar um tostão sequer. O oeste baiano vai ficar pequeno para esses caras!



9° Invena, da Invena – 19 pontos

Os veteranos da cidade baixa reativaram a banda no finalzinho do ano de 2013 e tiveram um 2014 cheio com a divulgação do seu disco homônimo. Bem produzido, com canções de apelo pop forte e bons timbres de guitarra o disco ajudou o grupo a tocar nos quatro cantos dessa cidade e ainda ajudou a promover o trabalho do artista Leonel Mattos.



10° Latromodem, de Latromodem – 19 pontos

A banda ressurge depois de um tempo sem gravar. Sob o comando de Andre Virgo a banda ainda deixa a sua marca forte nas raizes do pos punk/gotico/industrial e com certeza um dos melhores registros da banda.





Melhor show (Entrevistamos 50 ouvintes)

1° Van der Vous – 20 pontos

Com certeza um dos melhores shows deste ano que passou. Reproduzir um disco inteiro com fidelidade em cima do palco não é uma tarefa fácil para muitos artistas e o que eles fazem ao vivo é digno de contemplação. Se você viu uma vez, vai querer ver novamente e não vai se arrepender de sentir o virtuosismo e a presença de palco dos rapazes. Não é a toa que eles aparecem nas três categorias.


2° Desrroche – 20 pontos

Também um dos grandes shows de 2014. A apresentação do grupo é um verdadeiro espetáculo que transporta o público para um outro lugar, usando pirotecnia, maquiagem estilizada, figurino impecável e, principalmente, um som forte e impactante. Visualmente, e sem deixar de contemplar todos os outros sentidos, é um show de cair o queixo. Mereciam tocar mais vezes na cidade.

3° Modus Operandi – 18 pontos

 Uma banda de que deixa feliz quando toca seu rock industrial original e sem espaço para copias. Uma das bandas mais antigas e atuantes da nossa cena merece aparecer aqui nessa seletiva muitas e muitas vezes, vida longa!


4° Os Jonsóns – 18 pontos

O que mais foi feito por essa banda em 2014, foi se apresentar. Ao longo destes doze meses Os Jonsóns tocaram na capital, no interior e em outros estados nordestinos, alem de obter como consequência uma boa experiência de palco, o “timing” certo para as suas músicas ao vivo e ótimas conexões com outras bandas. A estrada fez muito bem para o grupo.




5° Declinium – 17 pontos

 A melhor banda de rock triste do mundo vive na Bahia. Espero muitos outros shows dos caras para podermos contemplar o som indie rock dos rapazes de camaçari. 



6° Invena – 10 pontos

Mais uma banda que se apresentou bastante no último ano. Bons músicos, bem servida de ótimos guitarristas e um vocalista com boa presença de palco são aspectos que fizeram da Invena uma banda com um púbico cativo, fiel e diverso. O volume de covers no seu repertório aparece de forma demasiada, mas não é nada que preocupe, desde que todos se divirtam na noite.


Share:

Online

Matérias