Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2017

Entrevista com Mopho (AL). Por Leo Cima.

Foto: Rafael Passos.

Continuando ainda com o Festival Radioca III, trazemos agora uma entrevista com a banda Mopho (AL). O João Paulo e o Dinho Zampier bateram um papo conosco e falaram sobre como foi tocar pela primeira vez em slvador depois de duas décadas de carreira sobre como foi o processe interessantíssimo de criação do seu mais novo trabalho, Brejo e sobre o cenário atual. Foi ótimo! Então, encontre a melhor maneira de ler essa entrevista e confira o som do ótimo Brejo!
Soterorockpolitano - Pessoal, parabéns pelo show, gostei muito dele, mas gostaria de saber o porque que vocês levaram tanto tempo para poder fazer uma apresentação em terras baianas. Porque demorou tanto e como foi essa experiência?
João Paulo: Na real, foi falta pura e simplesmente de um convite, de uma oportunidade, sabe? É por conta também nessa trajetória de vinte anos a gente mudou muito de formação e tal, aí isso tira o foco, né? Então, basicamente foi isso! Até que quando surgiu a oportunidade a gente ficou…

Entrevista com Far From Alaska. Por Leo Cima.

Foto: Rafael Passos.
Durante a terceira edição do Festial Radioca, batemos um papo descontraído com o simpaticíssimo quinteto Far From Alaska (RN). Nele, a banda falou sobre o seu novo disco, Unlikely, sobre como foi trabalhar com a produtora Sylvia Massy, sobre a cena de Natal, sua carreira internacional, sobre quantas vezes teve que responder do porque de cantar em inglês e um pouco mais! Se ajeite onde estiver, dê um play no Unlikely e aproveite a conversa.
Soterorockpolitano - Gostei muito do Unlikely, o achei muito bacana e gostaria começar o papo por ele. Ele é um disco mais descontraído, mais solto, mais harmonioso em relação ao modeHuman. Inclusive, eu vi vocês falando que ficaram um pouco menos presos em relação aquela coisa do riff. Eu gostaria de saber como foi o processo de criação do Unlikely, quais foram as influencias que vocês tiveram para poder criar as canções desse disco?
Rafael Brasil: Eu acho que esse disco ele veio com a missão de mudar um pouquinho como as pessoas …

Festival Radioca III: duas noites de pluralidade musical. Por Leo Cima.

Foto: Rafael Passos.

Aconteceu neste último final de semana a terceira edição do Festival Radioca. Festival esse que traz em seu lineup novos e veteranos nomes da mpb, artistas consagrados e outros mais significativamente promissores da nossa cena musical. Sejam daqui da Bahia, ou de outros estados, as atrações refletem bastante a proposta do evento, que se origina de um programa de rádio local de mesmo nome.
A diversidade das atrações, algo a se levar muito em consideração quando se fala em Radioca, foi um aspecto que chamou a atenção na grade de 2017. A curadoria feita para o festival foi mais além nisso em relação aos anos anteriores, o que acabou por oferecer um prato cheio para aqueles que gostam de apreciar uma boa música, ou descobrir novos sons. A infraestrutura do festival se expandiu bastante em relação à primeira edição (em 2016 não pude comparecer ao evento) tomando todo o espaço do Trapiche Barnabé, proporcionando uma melhor circulação das pessoas na área dos shows e reserv…