Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2020

"Carnaval, carnaval, carnaval / Fico tão triste quando chega o carnaval" Por Sérgio Moraes

Com uma sonoridade ímpar desde os idos de 1985, a Banda Organoclorados (Alagoinhas-Bahia), Lançou seu mais recente vídeo “No Carnaval a Gente Esquece”. Você pode ouvir nas plataformas de vídeo espalhadas pela web ou aqui! 



O vídeo faz um paralelo visual da vida cotidiana, euforia e desespero se misturando na obscuridade dos dias turbulentos que vivemos. Misturando imagens de alegria (num simples passeio pela calçadão das ruas com a banda) e desilusões diárias (Coquetel Molotov e afins). A sonoridade blues-Rock da canção é bem vinda, pois, a participação especial de Lucas Costa na gaita harmônica abrilhanta ainda mais as imagens e a sonoridade de “No Carnaval a Gente Esquece”.
Veja e tire suas próprias conclusões deste belo vídeo, letra e composição dos cinco caras!
Organoclorados é: Alan Gustavo - guitarra; André G - baixo; Artur W - guitarra e voz; Joir Rocha - bateria; Roger Silva - teclados.
Título: Trecho da letra de Luiz Melodia “Quando o Carnaval Chegou.”

Um tributo para a Snooze à altura de sua obra. Por Leonardo Cima.

Tive a oportunidade de assistir a dois shows dos sergipanos da Snooze. A primeira vez foi no início dos já distantes anos 2000, quando dividiram palco com brincando de deus, Retrofoguetes e The Honkers, já a segunda foi mais recentemente, lá para os idos de 2012 em uma edição do Festival Big Bands, com várias outras bandas no line up. Nas duas ocasiões, a banda deixou em mim uma impressão daquelas marcantes quando se refere a um som indie, de essência guitar band, na melhor linha anos noventa que se pode imaginar.
Uma banda nordestina, de fora da Bahia e fazendo um som foda daquele só podia mesmo ser detentora e um respeito digno daquelas que realmente fazem sua musica com paixão e que se dedica a ela há longos anos nessa empreitada, muitas vezes louca, que é o rock'n roll. Recentemente, o grupo anunciou o final da sua carreira depois de 25 anos de atividade, porém, algo especial surgiu deste fim: um mais que merecido tributo à sua obra.
Idealizado e capitaneado pelo musico Gus Mach…

Marte caindo e aliens entre nós. Por Leonardo Cima.

No sábado do dia 25/01, a banda Marte em Queda lançou o seu trabalho de estreia e esse foi o momento para conferir de perto não só uma, mas duas das bandas que estão mais em alta atividade na cena daqui nesse último ano e meio. O segundo grupo em questão é o My Friend is a Gray, parceiros de jornada do trio baiano e que abriu a noite de som no já marcante Brooklyn Pub Criativo.
Com o local sempre pontual no inicio dos sons, comecei a acompanhar a festa pela live do perfil do pub no Instagram no caminho para lá, o que me deixou mais ansioso em chegar e percebendo, já in loco, o quanto não deu para ter, pelo vídeo, a noção de quanta gente compareceu ao evento. É comum o lugar receber uma boa quantidade de gente nas noites de sábado, mas logo de cara, um grupo de pessoas que se aglomerava na parede de vidro do seu lado de fora, para assistir ao som, chamou a atenção.

Meio que em zig zag e  me espremendo, adentrei no Brooklyn e a MFIAG, escalada para abrir a noite, já estava em um pouco mai…