Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2020

Vigor stoner sem impedimentos. Por Leonardo Cima.

Diretamente da cidade de Perth, na Austrália, na semana que se iniciou o carnaval, foi lançado Doom, o trabalho de estreia da novíssima banda Black Diamond Lake. Super trio com forte influencia de stoner rock, a Black Diamond Lake possui em sua formação o baterista Dimmy "Demolition Man" Drummer (ex The Honkers e ex Vendo 147) assumindo o posto no instrumento, além do Barry Malice-Son (vocal e guitarra) e Mark Linkhorn (guitarra). Este single contém duas faixas que vão bem além do gênero stoner citado acima, dialogando bastante com o rock clássico, dentre outros estilos que ajudam a dar corpo à musica encontrada aqui. Peso, som arrastado, psicodelismo lisérgico ligado aos sons ecoados do Rancho de La Luna dão um tom denso à característica do conjunto, que não deixa de lado momentos mais empolgantes nas suas composições mostradas aqui. Na faixa título, encontramos o grupo arriscando bem com as possibilidades sonoras vindas de suas respectivas vivencias no mundo

Depois do inferno...Tem outro Inferno...Por Sérgio Moraes

Ouvir bandas novas já faz parte da rotina de quem faz este site acontecer. Há quem duvide e não acredite que escutamos tudo atentamente, letra por letra, acorde por acorde. Nosso trampo é sério porque amamos tudo isso.  Amo mais ainda quando alguns amigos voltam do inferno com boas novas. É o caso da banda D.D.I (Depois do Inferno), projeto novo de André Jegue (que mantem sozinho o projeto “Funciona Face” e Ex-integrante da não tão distante BR-64) e também André Batista – Bateria, Rodrigo Magalhães - Contrabaixo Mateus Galvão – Guitarra. Todos remanescentes de outras bandas da cidade.  A DDI nasce com uma identidade própria já marcada pelos trabalhos anteriores dos caras, o que me deixa bastante contente. Quando André Jegue se dedica a cantar Hardcore seus vocais ficam lindos e agressivos não devendo nada a bandas como Dead Fish (Referência relevante do gênero).  A D.D.I liberou duas ótimas músicas do seu próximo trabalho, “Depois do Inferno” e “Facada do Cão”, (Ouça

Explosão e caos sonoro. Por Leonardo Cima.

Na última quarta feira de cinzas (26/02), os selos do Portal Soterorock, o SoteroRec e OCADISCOS, fizeram o seu mais novo lançamento, o Warm Up Big Bands - Soterorock Sessions 5, da banda soteropolitana Malgrada. Este foi também o segundo disco incluso na nossa série de bootlegs, a Bootlegs Originals, que possui a proposta de disponibilizar apresentações das bandas locais no mesmo esquema dos discos ao vivo não oficiais de grupos internacionais, bastante populares nos anos 1990. Sem overdubs e com qualidade de som e performance, esse formato permite ao ouvinte escutar a banda gravada como ela é em ação em cima do palco, em um recorte dentro da sua carreira, de maneira desnuda, sincera e honesta. E o que você vai encontrar neste trabalho do trio baiano (se já o escutou, provavelmente você concorde com o que escreverei adiante) não é menos do que energia e intensidade em suas composições, uma entrega digna de ser apreciada por mais e mais vezes. O show foi captado na noi